O dia da criança cá em casa


Costumo dizer que o Dia da Criança é todos os dias, mas na realidade, é importante celebrarmos este dia a 1 de junho, pelo simbolismo que acarreta. Este ano, é dia de escola, mas nem por isso deixo de lhes proporcionar momentos especiais em família.
Depois do colégio e dos banhos, faço questão de brincar com eles, sendo que os jogos, a plasticina e o faz de conta, são as brincadeiras preferidas cá em casa. Não fosse eu da área da saúde, e não resisti quando vi dois jogos giríssimos do Dr. Beaker na Fnac, um sobre micróbios e outro sobre experiências em laboratório. Eles adoraram, foi a excitação total quando abriram os presentes! São jogos que estimulam a atenção, a resolução de problemas, a motricidade fina, a lógica, enfim, uma série de competências essenciais para um crescimento e desenvolvimento saudável.
Quando procuro presentes giros e originais para os miúdos gosto sempre de passar pela Fnac, não só porque eles adoram mexer em tudo o que encontram, mas também porque os funcionários são prestáveis e simpáticos, ajudam-me sempre que preciso. Outra coisa boa é conciliar as compras com a hora do conto, as aulas de guitarra ou os workshops da Science for You, em que eles se divertem enquanto eu trato do que é preciso. E vocês, como costumam celebrar o Dia da Criança?




M de Maio

Maio é dos meses do ano que mais gosto, não só porque é o meu mês - faço anos a 19 - mas também porque já começa a estar bom tempo, deixamos os casacos e as botas de lado, os dias ficam maiores e a época balnear começa a piscar-nos o olho.
O post de hoje é com fotos da semana que antecedeu o KIDS MARKET, com um look que não consegui mostrar-vos, mas mais vale tarde que nunca, e aqui está ele. Um vestido MaryG World, que conjuguei com um blaser para conseguir usar num registo mais formal, ao estilo work apparel. Espero que gostem!

Vestido MaryG World // Blaser Zara // Sandálias DIXO // Colar curto e brincos Maria Beirão.

O nosso Dia da Mãe

Este domingo, dia da Mãe, decidimos fazer um almoço de família lá em casa, como já vem sendo habitual. Apesar de dar sempre algum trabalho receber pessoas, mesmo família, preferimos face à ideia de ir ao restaurante, que nestes dias estão sempre cheios, e com miúdos, que nem sempre têm paciência para estar horas sentados, mais ainda.
Recebi os presentes da praxe que eles fizeram no colégio, e até tive direito a caça ao presente no jardim :) a fazer lembrar a caça aos ovos da Páscoa. Foi um dia de sol e calor, em que desfrutámos o mais possível do espaço lá fora, eles brincaram imenso e os crescidos foram pondo a conversa em dia. Que venham mais dias assim!


Eu com jumpsuit Maria JOAH (SS18) // Blusa Zara (old) // ténis Bimba y Lola (old).
Eles com conjuntos Alecrim.

Dois dias de casa cheia

A 13.ª Edição do KIDS MARKET foi o culminar de vários meses de trabalho, para reunir um conjunto de marcas e de parceiros único, que fizeram do fim de semana de 14 e 15 de abril, dias inesquecíveis. Dois dias de casa cheia, de muito sol e bom tempo no sábado, mas também de muita chuva no domingo, mas nem por isso a afluência diminuiu.
Quero agradecer a todos os que nos visitaram e fizeram desta edição mais um sucesso a todos os níveis! Obrigada também aos patrocinadores, parceiros, expositores, empresas de animação infantil, e toda a equipa do KIDS MARKET, que possibilitam edição após edição proporcionar a quem nos visita dois dias cheios de boas compras, animação e de boa energia. You rock!!


Todos os cuidados são poucos


Ir de férias para países tropicais exige um cuidado redobrado com o sol, não só porque passamos mais tempo na praia e a exposição acaba por ser maior, mas também porque a areia branca leva a que o sol reflita mais. Por causa disto, quando estava a fazer as malas para Tulum, coloquei chapéus, t-shirts de licra para os miúdos e uma série de protetores solares para todos

Todos os dias colocava creme de manhã, antes de sairmos do quarto, e levava sempre comigo o reforço para aplicar ao longo do dia, nomeadamente quando vinham da água para evitar os escaldões, que são péssimos para a saúde da pele. O Salvador tem a pele mais clara do que a Carminho e por isso temos de ter ainda mais cuidado com o sol para evitar queimaduras.

Escolhi a linha Anthelios da LaRoche-Posay porque me foi recomendada pelo dermatologista do Salvador, que tem pele atópica. Já tínhamos experimentado noutras ocasiões e gostei do resultado, principalmente do gel wet skin, perfeito para os miúdos que andam sempre dentro de água. Já eu, na cara usei sempre protetor 50+, no corpo comecei com 50+ e depois alternei com o 30+. Depois do banho, por ser essencial hidratar e reparar a pele coloquei neles o Lipikar e em mim o Posthelios, um after-sun em gel, super fresco que não conhecia mas adorei e fiquei fã.

Entretanto por aqui já se pensa nas próximas férias, se bem que com o tempo mais quente que já se começou a sentir esta semana, os fins de semana de praia vão também passar a ser uma realidade. Que bom!



*Post realizado em parceria com a La Roche-Posay.