Ser nutricionista tem que se lhe diga

Ser dietista ou nutricionista tem que se lhe diga, acredito piamente que nem todas as pessoas têm perfil para exercer esta profissão, não por sermos mais do que os outros, mas porque há determinadas características de personalidade que consigo detectar na maioria das colegas (mulheres) que conheço e com quem trabalho (são mais de 130 para dizer a verdade, por isso, sei do que falo).
Desafio-vos por isso a estarem atentos a determinados aspetos sempre que conhecerem uma nutricionista, seja numa festa, num casamento, em casa de amigos ou noutra ocasião qualquer, vão com certeza identificar várias das características seguintes. Posto isto, aqui vão os requisitos para identificarem uma nutricionista clínica (especialmente se trabalhar no âmbito do emagrecimento):
1. Vai sempre de lancheira para qualquer lado, de preferência uma lancheira gira, na moda;
2. Não sai de casa sem uma garrafa de água de pelo menos 0,5L, mas sempre no pressuposto de que durante o dia terá de beber pelo menos mais 1L;
3. Quando vai almoçar (ou jantar) fora, há rituais de que não abdica, nomeadamente:
- Bebe sempre água, chá ou limonada sem açúcar ou um refrigerante light. Coca-cola se não for zero é igual a satanás;
- Verifica sempre a validade da bebida light;
- Examina o copo disfarçadamente (assim como o prato e talhares) para ver se está de facto bem limpo e não tem cheiro;
- Uma em cada cinco vezes pede para trocar de copo porque está sujo;
- Quando lê a ementa há uma série de opções que corta, nomeadamente os acompanhamentos, o foco está na proteína, que acompanha invariavelmente de salada ou legumes. Quando está numa fase menos low carb opta por saladas com fruta ou um prato vegetariano (ou seja, hidratos com verduras, sem proteína animal), são raras as vezes que verão uma nutricionista comer "comida de engorda";
- Quando faz o pedido pergunta qual o acompanhamento do prato e muda sempre o mesmo;
- Quando almoça com colegas/amigas nutricionistas, o pedido deverá ser feito com calma e num bloco com espaço já que as personalizações à ementa serão mais que muitas (às vezes tenho pena dos empregados...);
- Quando pede uma sobremesa será sempre a dividir, de maneira a reduzir drasticamente o valor calórico ingerido e sentir que "não foi assim tão mau".
4. Tem sempre uma fita métrica na carteira e uma balança XPTO no carro;
5. Quando vai ao supermercado parece que vai escolher o mobiliário para a casa nova, ou seja, demora uma eternidade a ver os rótulos, a não ser que vá com uma lista comprar o mesmo do costume;
6. Quando o assunto numa festa é sobre dietas ou emagrecer, verão que tentará abster-se, irá sorrir e evitar comentar, porque assim que abrir a boca para falar realmente do assunto, irá monopolizar a conversa durante pelo menos meia hora, já que conselhos de nutrição, ou são muito básicos ou precisam de ser explicados a fundo.

Créditos: Adriana Morais Fotografia.

Conseguem identificar estas características ou comportamentos nas vossas amigas/conhecidas nutricionistas? Faziam ideia de que somos assim? ;)

 *


1 comentário :

  1. Aahaha, consigo identificar-me a mim e não sou nutricionista! tenho sim muito interesse pela comida e o seu valor nutricional...blah, blah, blah ;)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!