Unicorn party da Carminho - o moodboard

A Carminho está quase a fazer 7 anos mas o tema já está decidido há algum tempo, vai ser uma festa de unicórnios ou unicorn party. A Carminho adora unicórnios e brinca várias vezes com o seu, de maneira que a escolha foi fácil e consensual. Branco, rosa pastel, lilás e dourado serão à partida as cores de eleição para uma tarde de festa. Deixo-vos com algumas das ideias que recolhi nas últimas semanas e vejam mais aqui.


A vida é feita de escolhas

Demorei algum tempo a escrever este post...
Só no domingo de manhã quando acordei, e depois de receber mensagens WhatsApp da minha equipa, é que soube do incêndio de Pedrogão Grande. Liguei de imediato a televisão nas notícias e percebi que não se tratava de um incêndio qualquer, mas em vez disso de uma enorme tragédia com contornos não totalmente claros.
A prioridade foi perceber que nutricionistas e pontos de consulta poderiam ter sido afetados e garantir que todos estavam em segurança, o que felizmente se confirmou. Durante o dia fui espreitando as notícias no telefone, mas só quando chegámos a casa depois do fim de semana fora, é que me apercebi a sério da dimensão do que se estava a passar.
De domingo para segunda dormi pessimamente, acordei várias vezes a pensar que poderia ter acontecido a qualquer um de nós, e como segunda-feira ia para o Porto e tinha de passar perto deste cenário, sem saber ao certo o que iria encontrar, fiquei ainda mais ansiosa. Muito fumo pelo caminho e uma sensação que nem sei explicar bem o que era. Estar no sítio errado à hora errada e tomar decisões, sem saber se seriam as corretas. Podia mesmo acontecer a qualquer um de nós e isso é assustador.
Demorei algum tempo a escrever este post... foi preciso encaixar algumas coisas... mas explico-vos porquê. Há quatro ou cinco anos atrás, a caminho de casa, decidi ir por uma estrada que habitualmente não utilizava, pela nacional em vez de pela auto-estrada. Era agosto, tinha regressado de férias, e mais não me lembro. Pouco depois de entrar na nacional vejo fumo e fogo do lado esquerdo, mais à frente vejo pessoas a tentar apagar as chamas, mas sem sucesso porque tinham o dobro ou mais do tamanho delas, em seguida fagulhas e eis que as chamas passam para a direita. Quando me apercebo que estou a entrar numa zona de incêndio, como fogo de um lado e outro, numa zona de mata e algumas árvores, decido travar e fazer inversão de marcha. Mas quando olho pelo espelho retrovisor tenho um carro de bombeiros atrás de mim a travar já a estrada, a tirar as mangueiras e a iniciar a luta contra o fogo. Estava encurralada. Naquele momento tomei a decisão de acelerar a fundo e avançar. Passei por uma coluna de fogo, um calor tremendo, cheguei a pensar que os pneus iam derreter, tal era o calor intenso, mas felizmente, num curto trajeto que pareceu uma eternidade, consegui passar sem que nada me acontecesse. Só aí caí em mim, porque tive finalmente noção do que tinha acabado de acontecer. Ainda hoje continuo a pensar que podia ter corrido muito mal, mas ficar no carro e sair dali a correr sabe Deus para onde, já que não conhecia bem a zona, podia ser ainda pior. Tive sorte, podia ter sido ao contrário.
A vida é feita de escolhas, e muitas daquelas pessoas que morreram, tomaram a decisão que naquele momento lhes pareceu ser a correta. Mais não consigo escrever mas penso todos os dias nos que partiram e nas famílias que cá ficaram. Nos que se viram obrigados a começar tudo do zero, quando a vida já lhes pregou outras partidas. Ninguém está preparado para uma tragédia destas, nem qualquer outra, que descansem em paz. É tocante perceber a solidariedade dos Portugueses num momento destes, a constatação de que somos sem dúvida um povo fantástico.
...

Looks de festa: os sapatos

Com a chegada das estações mais quentes o nosso calendário começa a ficar preenchido com batizados, casamentos, festas e reuniões de família e é nestas ocasiões que faço questão de os ter mais arranjados, com conjuntos de festa, sem perder o conforto, claro, já que são crianças. Brincadeiras ao ar livre é o que eles mais gostam e por isso é fundamental que se sintam bem.
Na Primeira Comunhão do Salvador escolhi mais uma vez Pisamonas, uma loja de calçado online que imagino que todas conheçam. Se não conhecem ou nunca experimentaram então está na altura, porque as vantagens são mais que muitas! Para além da boa relação qualidade-preço, e da rapidez com que recebemos as encomendas (o envio é gratuito), há sempre a hipótese de trocar ou devolver de forma grátis e muito rápida. Confesso que já me aconteceu com a Carminho ter de trocar umas merceditas que precisava com muita urgência e em 24h resolvi a questão.
Para além dos clássicos de sempre, tais como as merceditas, menorquinas, sapatos feijão ou mocassins, a Pisamonas também aposta em trazer até nós as últimas tendências, o que não deixa de ser uma vantagem para as mães que gostam de ter as crianças mais na moda. Por outro lado, o facto de terem sapatos para todas as estações, durante todo o ano, acaba por ser uma mais-valia porque por vezes precisamos de sapatos de verão no inverno e vice-versa. Quando fomos para as Maldivas, foi fácil de encontrar no site muita variedade de calçado de verão, quando em Portugal ainda estava fresco e as sapatarias ainda tinham pouca coisa.
Depois das Comunhões e Crismas de maio, no final de junho temos um batizado e um casamento e por isso já tenho merceditas para a Carminho de várias cores, meias para os rapazes, mocassins e sapatos pepito para o Vicente, de forma a complementar os conjuntos que escolhi para estas ocasiões.
Em relação à cor dos sapatos para estes momentos, não é obrigatório que os sapatos sejam da cor do vestido ou calções/camisa, mas também não adoro o cliché do cru e azul escuro, prefiro os mocassins de camurça castanha ou mel para os rapazes, e as míticas merceditas de lona em mil e uma cores, para fazer pendant com os vestidos da Carminho. Este ano escolhi também umas menorquinas em tom areia que fica também lindamente nestas ocasiões, em dias de muito calor. Uma solução menos formal, mas que nem por isso deixa de resultar.

 Créditos: Sugar & Soul Photography (fotos 1 a 5) e Era uma vez Fotografia (foto 6).


Look boho chic

Apesar de ser mãe de três faço questão de me arranjar mesmo quando estamos de férias. Opto geralmente por usar roupas confortáveis e fluidas, porque não gosto da sensação de me sentir apertada quando está calor, sandálias ou sapatos não muito altos já que carregar crianças ao colo quando adormecem é uma realidade, e maquilhagem simples para me sentir mais bonita.
O vestido que usei no jantar de sábado, no Hotel Torre de Palma este fim de semana, fez sucesso no Instagram! Pelo que vi gostaram tanto do vestido quanto eu :) Assim que o encontrei no KIDS MARKET não pensei duas vezes, foi na Together, uma marca do Porto, mas que não falta a uma edição. Hoje partilho aqui convosco este look boho chic, espero que gostem.

 Fotos tiradas com o meu iPhone.


Os cinco no Alentejo

Este fim de semana fomos passar uns dias ao Alentejo, mais precisamente ao Torre de Palma Wine Hotel, que fica em Monforte, Vaiamonte. Na sexta-feira já chegámos tarde, por volta das onze da noite mas porque saímos tarde de Lisboa. A Carminho e o Salvador tinham consulta de otorrino e não quis desmarcar. As crianças jantaram em casa mas nós optámos por comer apenas quando chegássemos ao hotel e posso dizer-vos que valeu a pena. Adormeceram os três na viagem e só acordaram quando chegámos, mas ficaram curiosos para conhecer o quarto, especialmente o Vicente que me pareceu ter pela primeira vez a noção do que é ficar fora de casa, e por isso pô-lo na cama não foi fácil!
Foram dois dias de tranquilidade, uma paz que só o Alentejo consegue transmitir, é das regiões do País que mais gosto precisamente pela paisagem e pelo silêncio, que apenas é quebrado pelo chilrear dos pássaros e pouco mais. Apesar dos 35ºC os dias passaram-se lindamente, as piscinas foram as nossas principais aliadas para suportar o calor.
O Vicente está um perigo, este verão promete ser uma animação! Assim que vê água não descansa enquanto não mergulha, passou horas a brincar na piscina até ficar com os dedos murchos e a tremer de frio. Para além disso, não pára quieto um segundo e está numa fase em que não sabe ouvir um não, tem de ser convencido a mudar de ideias e garanto-vos que não é fácil. Até os irmãos perdem geralmente a batalha de o tentar contrariar.
Sábado passámos o dia na piscina, com uma pausa à hora de almoço por causa do sol e do calor, escolhemos almoçar no bar que dá apoio à piscina e que serve tanto refeições leves como pratos do restaurante do hotel. O Vicente dormiu uma sesta grande enquanto a Carminho e o Salvador aprendiam a jogar snooker com o pai. Ao final do dia foram ter uma aula de equitação, o regresso da Carminho aos cavalos desde que partiu o braço e correu muito bem, eles adoraram! Fomos ao cimo da torre do hotel ver o pôr do sol, com uma vista fantástica sobre a planície Alentejana, ao mesmp tempo que pudemos provar os vinhos da herdade.
Depois foi tempo de banhos e jantar, mas a Carminho e o Vicente estavam tão cansados que acabámos por pedir para levar o nosso jantar para o quarto e foi o melhor que podíamos ter feito. Serviço de restaurante no quarto, com direito a tudo o que quisemos, enquanto os mais novos dormiam. O Salvador que está numa fase de ganho de liberdade, pediu para ir para o bar jogar snooker e nós deixámos. Fomos lá ver se estava tudo bem ainda umas duas ou três vezes, e o Salvador estava entretidíssimo a jogar com uma menina que tinha os pais a jantar também.
No domingo, depois do pequeno-almoço, fizemos novamente piscina, depois almoçamos, o Vicente voltou a fazer uma grande sesta, mais piscina, e por fim o workshop de cozinha para a Carminho e o Salvador, que fizeram umas pizzas home made ótimas, com a ajuda do chef Filipe Ramalho. Já bem ao final da tarde fizemos as malas para ir embora de regresso a casa, mas com vontade de ficar mais uns dias neste hotel simpático e acolhedor. São duas horas de caminho até Lisboa, quase tudo em auto-estrada.

Fatos de banho e saídas de praia Maria Concha.
Braçadeiras Net Bebé.
Chapéu do Vicente Zara Home.
Equipamento de equitação Decathlon.
Tshirt da Carminho Maria Concha.
Fato de banho Tu Chique.
Top Amikko. Calções Tu Chique. Menorquinas Pisamonas.

Fica a dica de programa para os fins de semana de verão que aí vêem. No próximo post mostro-vos mais sobre o hotel, mas podem ver mais fotos e vídeos no Instagram e stories.

O Pic-Nic mais chique de Lisboa - Novidades

Os jardins do Pestana Palace Lisboa voltam a receber os melhores e mais chiques Pic-Nics deste verão. O sucesso das edições anteriores foi tal que este ano haverá Pic-Nic ao sábado e ao domingo. (Yeah!) Fica aqui a dica para o brunch mais exclusivo da cidade de Lisboa, ideal para usufruir em família, a dois, ou com amigos.

Esta semana estive na festa de lançamento do Pic-Nic Summer Brunch Edition e pude experimentar as várias iguarias disponíveis: o tradicional BBQ de Verão com uma selecção de peixes e carnes e o fantástico Sushi & Crudo Bar que para além do sushi inclui ceviches, tártaros e carpaccios. 

Para acompanhar, uma Mobile Cocktail & Champagne Station com uma seleção de Champagnes e Espumantes, entre outras propostas como Sangrias, Artistic GinsIced Palace Teas preparados com frutos orgânicos, ervas do jardim do Pestana Palace e ingredientes caseiros. Por fim, as deliciosas sobremesas da autoria do chef Patissier Francisco Pavia. Eu escolhi opções low carb, mas quem não esteja em dieta pode e deve provar tudo o que lá há porque tem um ar delicioso!

Ao visitar o Pic-Nic Summer Brunch Edition, podem optar por ficar em duas zonas: estender a toalha na relva, num dos muitos recantos dos jardins palacianos dos Marqueses de Valle-Flôr, ou ficar nas mesas da esplanada da Casa do Lago.  Não deixem de experimentar o cocktail de boas-vindas criado pelo mixologist Rui Marques e o menu que o Chef Pedro Inglês Marques preparou para estes dias especiais.

Se estiverem numa de relaxar, podem terminar com chave d´ouro com os tratamentos do Magic Spa by Pestana.

Kimono, top e jeans Zara SS17 / Óculos TIWI / Sandálias DIXO.


PIC-NIC SUMMER BRUNCH EDITION | Pestana Palace Lisboa Hotel & National Monument

Horário: Sábados e Domingos das 13h00 às 16h00
Preço:
*35,00€ / Adulto
Gratuito para crianças até aos 7 anos
*17,50€ / Crianças dos 8 aos 14 anos
(* bebidas não incluídas)
Preços especiais: Magic Spa by Pestana: Magic Sports Back Massage 37,50€, 25% desconto para restantes tratamentos.
Apoiado por um serviço de vallet parking.

Contactos para reserva
213 615 600

O final do ano escolar cá em casa

Com três filhos e dois deles em idade escolar, confesso que os finais de dia não têm sido fáceis. Cá em casa a época de testes/fichas de avaliação começou na semana passada e termina nos próximos dias, felizmente! A preocupação acrescida de rever algumas matérias, fazer exercícios, preparar trabalhos tem sido uma constante ao final do dia, e tanto o Salvador como a Carminho já acusam alguma responsabilidade em ter os assuntos do colégio em dia.
Desde o primeiro momento que a Carminho tem sido mais focada e concentrada, comparativamente ao Salvador, algo que me parece habitual segundo os artigos que tenho lido, em que as meninas têm mais facilidade em se integrar no modelo de ensino que temos. Nas aulas está sempre super atenta, adora escrever, fazer os trabalhos, fazer pesquisas (já desde o pré-escolar), projetos, desenhar, enfim, não tem dado "trabalho" nenhum. Já o Salvador tem sido mais o oposto, tem sido mais difícil e isso obriga-me (nos) enquanto Mãe (Pais) a encontrar formas de o motivar e potenciar as suas qualidades.
Resumindo, os finais de dia têm sido passados à mesa ou à secretária a estudar ou a fazer trabalhos, com o Vicente a trepar para cima de mim, a pedir atenção e a querer brincar, o mesmo com a Carminho, que interrompe inúmeras vezes o Salvador e tenta mostrar o ar da sua graça, o que deixa o Salvador ou contente (porque foi interrompido) ou irritado (porque quer terminar o que está a fazer). Fico cansada mentalmente, depois de um dia de trabalho, de ainda ter de estar a fazer esta parte, mas por outro lado sei que é essencial. É aqui que o caos se instala e que percebemos que teria sido muito mais fácil se eles fossem menos ou se tivessem mais intervalo de idades... mas logo desço à terra e convenço-me das outras inúmeras vantagens de ter três filhos e de idades próximas. Mas que cansa, cansa! E convosco, como tem sido?

Fotos d´aqui.

O Vicente foi para a escola

O Vicente fez dois anos e meio em abril e tem até então ficado em casa, à semelhança do que aconteceu com os irmãos, no entanto, ao contrário destes que foram para a escola aos dois anos, o Vicente só começou a ir há umas semanas atrás. Começou por ir umas manhãs, depois ficou para almoçar, dormir e na última semana passou a ficar até às 16h30. Este registo gradual pareceu-me ser o mais razoável e equilibrado, e sem dúvida que no caso do Vicentinho ajudou.
No primeiro dia fiquei quase uma hora e meia porque não conseguia sair da escola. Não me pareceu bem sair sem dizer nada, e por isso expliquei que a Mãe ia embora, mas que o Pai ia busca-lo dali a pouco tempo. Posto isto começou a chorar a dizer que queria que a mamã ficasse, "não vai embora". E assim foi, até que saí quando foram do jardim e para dentro começar a rotina do final da manhã. Disse-me a educadora que quando saí e o Vicente se apercebeu de que eu me tinha ido embora começou a chorar, chorou muito, copiosamente, mas felizmente pouco tempo depois o Pai foi busca-lo e ficou com ele em casa, muito choroso, a precisar de mimo, parecia que se tinha sentido abandonado :(
Nos dois dias seguintes já não fui eu leva-lo porque geralmente levo os mais velhos ao colégio e saio cedo, antes das oito, para ir trabalhar, por isso o Vicente foi com o Pedro, que saiu sorrateiramente da escola e o Vicente, quando se apercebeu que estava "sozinho", começou novamente a chorar... Foi assim dois dias, até que na sexta-feira começou a dizer em casa que não queria ir e nós não forçámos! Deixei-o em casa da minha mãe, o Vi ADORA, e fui busca-lo ao final do dia, feliz e contente.
Passou-se o fim de semana e na segunda retomámos a rotina. Progressivamente foi correndo melhor, até que chegou o momento de deixa-lo almoçar na escola, e na semana passada começou a dormir. Teve a sua primeira aula de ginástica - que amou!, assim como a primeira de música, foi um excitex que só visto!! :) Cá em casa imitou o que fez na escola, "pa cima e pa baixo" "pofissor Paulo". Muito bom! 
Hoje ainda choramingou quando o P. o foi levar mas aos poucos vai entrando da rotina. Apesar da dificuldade no momento da separação, percebemos que o Vicente está super feliz por poder estar com outras crianças e ter novos desafios. Cá em casa ajuda-nos a fazer com que o Vi também perceba que não é o "centro do mundo", que é normal ser contrariado e que é bom crescer com outras crianças. 
Tem sido muito giro e gratificante acompanhar este crescimento e evolução do Vicente, que tem sido bastante diferente dos irmãos, já que ficaram logo desde o início na escola com bastante facilidade. Para ajudar a facilitar este processo, falamos da escola como um sítio onde vai "brincar com os meninos", e não "aprender", ou algo parecido. E vocês, que estratégias usaram? Como foi o período de adaptação?


Camisa Tu Chique // Colar de âmbar Terços da Lupinha - edição especial para o KIDS MARKET // Sapatos Pisamonas.


#OCasamentoDaMinhaMelhorAmiga

Eis que chegou o momento de vos falar sobre o casamento da minha melhor amiga, Manu. Quando soube da "boa nova" fiquei super contente, num excitex que só visto, contei de imediato às crianças, ao P. e aos meus Pais, que estavam cá em casa, depois de um almoço de domingo.
Este primeiro post tardou a aparecer por causa do KIDS MARKET, faltava um mês para a 11.ª Edição e não conseguia pensar em mais nada! mas disse à Manu que assim que o KM passasse ia ter cabeça e tempo para pensar em todos os pormenores, e assim partilhar inspirações e ideias, que ajudassem a tornar "o dia" ainda mais especial. Passou-se um mês e soube que ia ser madrinha :) mais uma razão para tornar este casamento no acontecimento do ano.
A começar deixo-vos com o primeiro mood board para #ocasamentodaminhamelhoramiga. Enjoy!

Tudo no meu Pinterest. Sigam-me aqui.

KIDS MARKET SS17 - Os Desfiles #2

No domingo os desfiles continuaram com muitas crianças, calor e boa disposição. Nós e Tranças, Puro Mimo, Match, Girls are Happy e Maria Boneca foram as marcas que participaram. O Vicente entrou no desfile da Nós e Tranças e estava cheio de vergonha, mas no final não queria sair da passerelle, como a maioria das crianças. Agora as fotos desta tarde no KIDS MARKET :)

Nós e Tranças

Puro Mimo

Match

 Girls are Happy

 Maria Boneca

 E terminou assim mais uma edição do KIDS MARKET :)


  Créditos: Sugar & Soul Photography.