Os nossos desenhos em bolachas


Quando era criança adorava desenhar, ficava horas sentada a criar e ilustrar as minhas histórias, e lembro-me dos meus pais dizerem que tinha algum jeito. Entretanto fui crescendo, comecei a pintar aguarelas e telas, até que aos poucos fui-me dedicando a outros hobbies.
Dos meus três filhos, a Carminho é claramente a que mais gosta de desenhar e pintar, por isso, frequentemente oferece-me desenhos e postais, é uma querida.
Por essa mesma razão, achámos muito engraçado o Concurso de desenho das bolachas TostaRica! O prémio final não podia ser mais interessante para as crianças, o vencedor terá o seu desenho impresso em todas as bolachas Tosta Rica! Para além de ser uma ideia gira e original, que promove a criatividade das crianças, ainda ajuda a desenvolver várias capacidades que são uma mais valia para o seu crescimento.
Por isso, se ficaram com tanta vontade de participar como nós aqui em casa, só precisam de aceder ao site da Tosta Rica ou descarregar a App “Desenha a tua TostaRica” e dar asas à imaginação! Mas atenção que é necessário referir a idade das crianças pois no momento de decisão e avaliação dos desenhos, o júri vai ter em conta as idades.
Mais uma óptima notícia é que, para além do prémio final, vão existir também prémios diários. “O quê?” Perguntam vocês, o melhor desenho do dia ganha uma lata com bolachas Tosta Rica com o seu desenho impresso, portanto não percam a esperança!
E como a melhor parte vem sempre no fim, no final do concurso (termina a 31 de Março), será feito um caderno solidário, com uma compilação com alguns dos desenhos enviados! Estes cadernos serão distribuídos no serviço de pediatria de vários hospitais, no Dia da Criança, dia 01 de Junho!
Não percam tempo e participem já neste concurso mega criativo, é super fácil!


#Cuetara #TostaRica #BolachasTostaRica

 *Post feito em colaboração com Tosta Rica.

O quarto das estrelas

Agora que o quarto novo do Vicente está finalizado posso então mostrar-vos o resultado final deste extreme makeover. O quarto da Carminho, que já tinha sido do Salvador, passou agora para o Vicente, pelos motivos que vos contei aqui.
Muitas estrelas, branco e azul claro, com um toque de cinza na cama, mesa de cabeceira e alguns acessórios. A maioria do mobiliário e elementos decorativos que estavam no seu quarto anterior transitaram para este novo, mas apesar disso, é engraçado ver que o resultado desta mudança é enorme, principalmente devido ao papel de parede.
Não sei se se lembram mas o Vicente estava a dormir no quarto do Salvador já há algum tempo, o que foi ótimo especialmente para o Salvador, que sempre mostrou alguma resistência em adormecer. Por sua vez, o Vicente nos últimos seis meses, faz questão em aparecer na minha cama a meio da noite (eu nem dou conta) e fica até (eu) acordar. Nos últimos dois meses, o desafio tem sido conseguir que o Vi durma toda a noite na sua cama, quero acreditar que com a idade e a nossa persistência, se altere o cenário o mais rápido possível.


Almofadas patchwork Ternurinhas de Pano.

Almofada "London" Jonathan Adler.
Jogo teia de aranha Maria do Mar Shop.

Papel de parede ESTA aqui.


Ternurinhas do Pano no KIDS MARKET dias 14 e 15 de abril no Pestana Palace.

Jardim de sonho

Este ano decidi que iria renovar de vez o jardim cá de casa, tornando-o no meu jardim de sonho. Por isso mesmo, tenho andado pelo Pinterest a recolher imagens e inspirações, que atualmente não são ainda postas em prática.
Quando penso em decoração de exteriores, nomeadamente no jardim, penso automaticamente em branco, cinza e em verde, muito verde, de preferência com influências tropicais. Adoro o estilo de decoração de Ibiza, com muito branco e pormenores relacionados com a terra, mas também sou fã de jardins tropicais, mais selvagens, com madeira de bambu e outras mais ligadas à natureza.
Tendo em conta a arquitetura atual do meu jardim, vou ter de optar por ter diferentes níveis, um para o sitting, outro para a zona das refeições, um para a brincadeira, outro para o futebol, e por aí fora... Agora deixo-vos com algumas imagens de inspiração, que recolhi no meu Pinterest.

 Todas as imagens AQUI.

Os nossos bebés

Já há algum tempo que o Salvador e a Carminho pediam para ter um cão. Começaram por falar no assunto, até que todos os dias pesquisavam fotos dos cães que queriam ter e mostravam-nos. O caminho para o colégio de manhã era passado a falar em cães, desde as raças que mais gostavam, as vantagens de escolher este ou aquele cão, entre outros pormenores.
A Carminho sempre quis um Yorkshire Terrier, já o Salvador começou por pedir um Bulldog Francês, mas depois mudou de ideias e escolheu o Pug, porque era mais giro na sua opinião, com as orelhas para baixo. No início dissemos que não, nem pensar, até porque já temos um cão, a Carlota, que foi oferecida ao Salvador quando ele fez 1 ano. Por ser grande acabou por ficar na rua, como cão de guarda, e o contacto connosco e com eles é relativamente limitado, apesar de todos a adorarmos. Os miúdos gostam particularmente de dar-lhe os biscoitos com vitaminas e a Carlota também vibra com a brincadeira, adora crianças, é uma querida!
Ter um cão ou animal de estimação é uma enorme mais-valia quando se tem crianças, por incutir-lhes responsabilidade e autonomia, já que têm alguém para tomar conta, dar atenção, passear todos os dias, dar-lhes comida, limpar os chichis e cocós, ensina-los, entre outras coisas. Quando comecei a equacionar aceder ao pedido deles, fiz questão de lhes explicar que ter um cão não implicava apenas o lado bom da coisa, mas também os deveres associados, e a necessidade constante de lhes dar atenção e mimo.
Já se passaram duas semanas e o Salvador e a Carminho continuam apaixonados pelos cães. Para já eles ainda não podem sair, porque têm menos de três meses e ainda lhes falta uma vacina, mas cá em casa a alegria tem sido mais que muita com os nossos novos bebés: o Bubbles e o Macarron. Os nomes foram escolhidos por eles, no caso do Salvador, assim que viu o Pug disse logo que se ia chamar Bubbles, já tinha pensado no assunto a sério. A Carminho ficou na dúvida, pensou em Biscoito, Marshmallow, adorou a ideia de Linguini, mas quando lhe sugeri Macarron, agarrou o nome e não quis deixar mais.
Para já o Bubbles é super mexido, está sempre a provocar o irmão, a roer e a lamber tudo e todos, e o Macarron é um querido, bem mais calmo, que adora colo e mimo. Eu, que sempre quis ter um cão mas nunca tive porque vivia num apartamento, estou a adorar a ideia e sem dúvida que a alegria deles compensa o lado menos bom da constante limpeza.


KIDS MARKET Summer Edition | 14 e 15 de abril | Cavalariças do Pestana Palace Lisboa

Quartos de encantar

De vez em quando perco-me na pesquisa de imagens, nomeadamente de quartos para criança, em que há sempre ideias novas e inspiradoras, que nos fazem sonhar e querer mudar a decoração de casa num ápice.
Há pouco tempo remodelei totalmente os quartos da Carminho e do Vicente, o que me deu imenso prazer, não tivesse eu uma costela de decoradora de interiores :) Durante algum tempo andei indecisa entre medicina e arquitetura, porque gostava imenso de ambas as áreas, e na realidade continuo a adorar e a rever-me em ambas. Adorava poder mudar, não todos os anos, mas pelo menos de cinco em cinco anos, os quartos, e algumas divisões da casa, porque gosto de mudanças e de variar. Acredito que as escolhas que fazemos em determinado momento refletem o nosso estado de espírito e aquilo que nos rodeia nesse espaço temporal.
Em linhas gerais, tenho predileção pelo branco, pelos neutros como o cinza, adoro rosa claro, lilás, azul claro, ganga, petróleo, acqua e os tons pastel que circundam estas cores. Neste post mostro-vos alguma imagens que adorei e que servem de inspiração para quartos de menina, espero que gostem tanto quanto eu!


Imagens do meu Pinterest aqui.