Todos os cuidados são poucos


Ir de férias para países tropicais exige um cuidado redobrado com o sol, não só porque passamos mais tempo na praia e a exposição acaba por ser maior, mas também porque a areia branca leva a que o sol reflita mais. Por causa disto, quando estava a fazer as malas para Tulum, coloquei chapéus, t-shirts de licra para os miúdos e uma série de protetores solares para todos

Todos os dias colocava creme de manhã, antes de sairmos do quarto, e levava sempre comigo o reforço para aplicar ao longo do dia, nomeadamente quando vinham da água para evitar os escaldões, que são péssimos para a saúde da pele. O Salvador tem a pele mais clara do que a Carminho e por isso temos de ter ainda mais cuidado com o sol para evitar queimaduras.

Escolhi a linha Anthelios da LaRoche-Posay porque me foi recomendada pelo dermatologista do Salvador, que tem pele atópica. Já tínhamos experimentado noutras ocasiões e gostei do resultado, principalmente do gel wet skin, perfeito para os miúdos que andam sempre dentro de água. Já eu, na cara usei sempre protetor 50+, no corpo comecei com 50+ e depois alternei com o 30+. Depois do banho, por ser essencial hidratar e reparar a pele coloquei neles o Lipikar e em mim o Posthelios, um after-sun em gel, super fresco que não conhecia mas adorei e fiquei fã.

Entretanto por aqui já se pensa nas próximas férias, se bem que com o tempo mais quente que já se começou a sentir esta semana, os fins de semana de praia vão também passar a ser uma realidade. Que bom!



*Post realizado em parceria com a La Roche-Posay.

1 comentário :

Obrigada pelo seu comentário!